A agroindústria canaviera e a crise econômico mundial

sexta-feira 16 de novembro de 2012 por LRAN

Caracterizada como um processo de abertura de novas fronteiras, a expansão da agroindústria sucroenergética, em termos de v
olume de produção, tem se concentrado na região Centro-Sul, principalmente no Triângulo Mineiro, centro e sul dos Estados d
e Goiás e Mato Grosso do Sul, norte do Paraná, além do oeste e noroeste paulista.

Tendências recentes na agroindústria canavieira

Essa publicação traz informações sobre as tendências mais recentes na produção de etanol no Brasil e sua relação com a cris
e econômica mundial. Destacamos o papel do capital financeiro, entrelaçado com a expansão territorial do agronegócio, e seu
s impactos nas relações de trabalho e nas disputas por terras indígenas e camponesas. Observa-se no campo brasileiro a perm
anência de um processo de expansão de monocultivos para a produção de agrocombustíveis, principalmente do etanol gerado a p
artir da cana-de-açúcar – tido como a principal fonte agroenergética brasileira, considerando o volume de produção, o total
de área ocupada pela lavoura canavieira, bem como a massa de investimentos aplicados na ampliação do parque fabril sucroen
ergético.

  • Pesquisa e Texto: Maria Luisa Mendonça, Fábio T. Pitta e Carlos Vini cius Xavier
  • Fotos: Carmelo Fioraso, Douglas Mansur e Maria Luisa Mendonça
  • Projeto Gráfico e Diagramação: Flávio Valverde
  • Assessoria administrativa: Marta Soares e Claudia Felippe
  • Apoio: ICCO & Kerk in Actie; EED - Evangelischer Entwicklungsdienst
  • Publicação: Rede Social de Justiça e Direitos Humanos Rua Heitor Peixoto, 218 São Paulo, SP, 01543-000 rede@social.org.br www.social.org.br

Editora Outras Expressões ISBN 978-85-64421-34-9 São Paulo, 2012


titre documents joints

PDF

16 de novembro de 2012
info document : PDF
1.8 MB

Página inicial | Contato | Mapa do site | | icone statistiques visites | info visites 953911

Acompanhar a vida do site pt_br  Acompanhar a vida do site AÇÃO TERRA  Acompanhar a vida do site Reforma Agrária   ?

Site realizado com SPIP 3.0.20 + AHUNTSIC

Creative Commons License